segunda-feira, 17 de abril de 2017

Entre o que foi e o que poderia ter sido

Ela está perdida.

Está entre o que foi e o que poderia ter sido.

Os tempos erram em sua perfeição, como se pode voltar?

Todo sonho é tardio, de suas pequenas mãos voam as escolhas.

Ela está em busca do horizonte que sempre foge.

Tornou-se tão natural esperar pelo pior.

E o pior tornou-se então tão normal para aquela garota.

Todo fim é um começo.

E ela já nem precisa mais chorar.

Nenhum comentário: