domingo, 13 de novembro de 2016

Chance para a plenitude

Você pode chegar e me trazer uma expectativa tola.

A perfeição não pode ter nada em demasia, sempre estamos idealizando nossos planos.

Eu sempre deixo aberta a possibilidade de me surpreender a qualquer momento.

Guardei o espaço perfeito para mais uma ilusão que me faça sentir um bobo.

Um tanto dos nossos espíritos, e um cheiro agradável e inesquecível podem ser o melhor dos presentes.

E então minha existência sentida numa banalidade qualquer faz o dia ficar mais bonito.

Tão pouco podemos ter, em tantos encantos podemos mergulhar.

Uma sensação nova pode preencher o vazio que ainda resta no ser.

Dou a chance para a plenitude, mesmo me arriscando a terminar sem nada nas mãos.

Chegue logo, mesmo que seja tarde demais.

Estou guardando os menores detalhes para que cada combinação de cores faça sentido na hora certa.

2 comentários:

CÉU disse...

Isso, Bruno! Dá sempre chances, oportunidades para a magia das ilusões, que, talvez um dia sejam realidades.
Tanta capacidade e qta vontade!

Beijos e boa semana

Bruno Mello Souza disse...

Obrigado, Céu!

Boa semana pra ti também!