quarta-feira, 18 de maio de 2016

Cinzas e cacos de vidro

Ela surge para tirar tudo do lugar.

E não consegue encontrar nada logo depois.

Suas vontades não existem mais.

E as esquinas mudam de lugar a todo momento.

A bagunça da casa é a bagunça da cabeça.

Cinzas e cacos de vidro poderiam perfeitamente ser uma ilustração do seu espírito.

Sonhos e pesadelos são uma pintura vaga, com tintas que saem voando pela janela.

Ela sabe bem de cada coisa que esquece.

E precisa errar um pouco mais, apenas para não perder o costume.

Nenhum comentário: