quinta-feira, 23 de outubro de 2014

Voo interrompido

Asas cortadas, apenas mais um dia tossindo a fumaça.

O mundo está cheio dessas coisas que não podem ser tragadas.

E todo voo será interrompido.

Não há mais espaço para todos.

Verdades custam vidas e almas.

Lutas e dores são vãs, e todos os motivos originais foram esquecidos.

Mais uma estrela se apaga no céu.

É o preço que se paga aqui embaixo.

Somos digeridos pelas entranhas desta existência estranha.

Somos defecados quando já não há mais nada para se aproveitar.  

Nenhum comentário: