sábado, 8 de março de 2014

Helena encaixotada

Querida, por que você voltou?

Eis todo meu ouro, não consigo comprar seu afeto. 

Descuidada e esquecida, machucada em minha casa. 

Talvez doa, vou fazer o procedimento.

Tão bela, tão minha, deixe-me cuidá-la.

Membros inferiores ou superiores, não mais.

Helena está em minha caixa.

Ela não pode mais fugir da felicidade.

Rodeada de flores, tão adorada.

Helena está em minha caixa.

Ela grita, mas não pode me enforcar.

Ela chora, mas não pode correr.

Helena está em minha caixa.

Ela implora, mas não pode se matar.

Ela suplica, mas está impossibilitada.

Helena, beleza sem asas.

Helena, escultura viva.

Helena, morte em vida.

Helena, prisioneira sem algemas.

Helena, tronco e cabeça.

Helena, somente um sonho.

Helena, somente um pesadelo.

Helena, somente um filme.

2 comentários:

Rosangela A. Santos disse...

Que triste, vi o filme e achei horrível!!!

Passa lá:
http://ananicolau.blogspot.com.br/2014/03/para-quem-fica-heranca-de-pessoa-que-e.html

Bruno Mello Souza disse...

Hahahaha!

O filme é bem trash, concordo contigo, muito em função das atuações horrorosas.

Mas a história em si eu acho das mais instigantes, surreais e doentias que já vi no cinema. Por isso que gosto de "Encaixotando Helena".

Abraços!