terça-feira, 10 de setembro de 2013

5 anos de Dilemas Cotidianos- 7ª posição: Impressões de um fim que não ocorreu

O sétimo melhor texto do ano que se passou no DC foi publicado no dia 13 de janeiro.

...................................................

Bolas de fogo caem nesse momento do céu, estrelado e em fúria.

Todo amor e todo o ódio agora perdem o sentido.

Há forças muito maiores do que nossos vãos sentimentos e nossas ingênuas explicações.

Estamos de mãos dadas, observando a dor e o desespero na rua.

Muitos correm e gritam por socorro, como se houvesse alguma esperança de sobrevivência, como se Deus pudesse ouvi-los e salvá-los daquele horror indescritível.

Algumas crianças ainda brincam, correm, e com os olhos brilhando, olham para cima, sem medo.

Daqui de dentro, observando pela janela, já não esperamos nada, porque estamos submersos na inevitabilidade deste momento.

Choramos, sorrimos, e chegamos ao ápice.

É tudo muito forte, muito grande, muito poético.

Partir dessa forma não tem preço.

Não imaginava que o fim seria tão bonito...

2 comentários:

Ritinha disse...

Puxa!!!
Intenso isso, e uma busca desenfreada pela paz, pela harmonia, pelo entendimento em comum.
Gostei, porem com ressalvas, o que é natural, não é mesmo?
Sou sua mais nova seguidora.
bjs
Ritinha

Bruno Mello Souza disse...

Oi, Ritinha!

Muito obrigado pelo comentário e por seguir o DC.

És muito bem-vinda por aqui, sempre!

Beijos.