sexta-feira, 30 de agosto de 2013

Empate e impasse

Corte na pele, fina e tão sensível.

Como um vício que não se vai.

Caindo novamente quando pensava estar livre.

Mas ele não tem força para resistir.

Estupidez consciente, arrependimento instantâneo.

Mas agora está correndo em suas veias, veneno que já não possui efeito.

E ela repete tropeços antigos.

Será tão fraca, enquanto não olha para nada ao redor?

De que adianta andar quilômetros para voltar ao mesmo lugar?

É tão difícil que eles se encontrem na mesma estrada!

Frente a frente separados por um tabuleiro, enquanto suas vidas se esgotam.

Esperando e esperando, enquanto o tempo escorre pelos dedos.

Sem erro algum, mas também sem qualquer acerto.

Empate e impasse, dor no estômago.

Olhos abertos, vagando sem sair da cama.

Paralisia, sempre de volta ao ponto inicial.

...............................................................
Participe da campanha de doação de medula óssea e concorra a uma camiseta e um dvd oficiais do Inter. Mais informações em: http://dilemascotidianos.blogspot.com.br/2013/08/campanha-de-doacao-de-medula-ossea.html

Nenhum comentário: