quinta-feira, 3 de novembro de 2011

261011

Nas profundezas, vozes me chamam.
Querem me levar, querem que eu vá.
Mas ainda é tão cedo, meu amigo!
Estão me consumindo, estão me corroendo.

Amanhã parece um dia muito longínquo.
Mas talvez todos aqueles que não se importam se importarão.
Eu quero ficar mais um pouco, ainda tenho algo por fazer.
Me segure aqui, amigo, não me deixe ir agora.

Todo o meu arrependimento transborda, mas o tempo não volta.
Me vi maior que tudo e hoje apenas suplico.
Misericórdia, piedade, ressurreição...
Tentarei errar o mínimo possível.

Jamais pensei estar aqui desse jeito.
Medo e dor invadindo minha alma.
Ainda não encontrei minhas respostas.
Será que é tarde demais?  

2 comentários:

Joicy Sorcière disse...

Nossa! Que forte!!!! Tantos conflitos!!!

Bruno, achei super legal perceber que vc se interessou pelo seriado que postei no blog. Espero que vc goste dele, tanto qto eu… rs…
Vou confessar, não consigo assistir séries de comédia. Já tentei, mas não dá! rs … Qto ao Seinfeld, já ouvi outras pessoas falarem super bem dele. Quem sabe eu não paro para assisti-lo, nos momentos de tormenta em que espero os novos episódios de American Horror Story… rs

Bruno Mello Souza disse...

Oi, Joicy!

Primeiramente, obrigado pelo comentário!

Vou dar uma olhada, sim, no seriado que indicaste. Como temos gostos parecidos, e eu, de fato, gosto de terror, creio que a chance de eu gostar seja bem grande, hehehe.

Quanto ao Seinfeld, sou suspeito para falar, pois sou simplesmente apaixonado pela série.

Se quiseres ter um gostinho pra ver o que achas, tem uma postagem aqui mesmo no DC em que eu listo dez momentos inesquecíveis de Seinfeld:http://dilemascotidianos.blogspot.com/2011/09/10-momentos-inesqueciveis-de-seinfeld.html

Beijos.