domingo, 14 de agosto de 2011

Adroaldo

Pedro e Sérgio conversando na lancheria:

- Pedro, você não sabe quem eu encontrei ontem na rua!
- Verdade. Não sei quem você encontrou ontem na rua.
- E...
- E o quê?
- Não vai perguntar?
- Não, não. Obrigado.
- Bom, mas eu vou dizer mesmo assim. Encontrei o Adroaldo! Lembra dele?
- Ah, sim! O cdf, aquele.
- Ele era muito estudioso! Quando tirava 9 numa prova, ficava triste.
- Que raiva daquele sujeito. Ele fazia todos nós nos sentirmos um bando de idiotas.
- Nem me fala!
- Enquanto nós escondíamos a Playboy debaixo do colchão, ele escondia a apostila do Telecurso 2000.
- E ele continua igualzinho! Estava no banco da praça lendo um livro. Era daquele autor, o... Aldous Hurt.
- Huxley.
- Que seja... Aquele, do "Abominável Mundo Novo", né?
- "Admirável".
- É... Isso, isso...
- Ele não deve ter nenhuma vida social.
- Nenhuma, nenhuma.
- O mais perto de sexo selvagem que ele deve chegar é se masturbar assistindo ao Animal Planet.
- Hahahaha, com certeza! Nada de vida social, nem sexual.
- E o que ele anda fazendo da vida?
- Tá desempregado.
- Que pena... Ei, garçom, mais um café, por favor!

...........................................................................................
* O DC está concorrendo ao Prêmio Top Blog 2011. A votação do primeiro turno vai até o dia 11/10/2011. O link para o voto encontra-se à direita da tela. Participe! Vote! Divulgue!

Nenhum comentário: