quarta-feira, 11 de maio de 2011

Sem título

Preciso de alguém pra conversar.
Sinto-me preso a este cubo.
Estou virando pó, estou desmaiando.
Poderia dormir até o mundo acabar?

Estou perdido em mim mesmo.
Desconectado do mundo e de suas mentiras.
Cada qual criou significados e objetivos.
Mas eu não consigo chegar aonde quero.

Nada tem fim, mas tudo termina a toda hora.
Me sinto esmagado, e só me resta rir.
Estou com fome, procuro comida.
Estou com sede, nadando no esgoto.

Tudo se repete, sempre se repete.
Quero apenas o direito de tentar e sair da monotonia.
Cansamos de abortar nossas possibilidades.
O sol está escondido, mas sei que ele existe.

Esqueça toda a proteção.
Deixe-me sentir dor!
Deixe eu me expor!
É melhor do que ficar parado esperando a morte.

2 comentários:

Anônimo disse...

o QUE HOUVE ESTA CANSADO , DEVE SER A SAUDADE BATENDO A PORTA , CONSELHO FALE COM ELA ...VAI MELHORAR , VAI FICAR MELHOR DEPOIS .
BOA SORTE .

Bruno Mello Souza disse...

Olá, Anônimo! Muito obrigado pela participação!

Apareça sempre!

Abraço!