quinta-feira, 28 de abril de 2011

Duelo de gigantes

Logo mais, o Inter encara um desafio importantíssimo e emblemático pela Libertadores da América. O colorado enfrenta o Peñarol no lendário estádio Centenário, em Montevidéu. Tem tudo para ser um grande jogo, cheio de emoção.

Os uruguaios tentarão certamente fazer valer o mando de campo. O Inter deve esperar por todos os ingredientes de um típico jogo de Libertadores: catimba, pressão da torcida, tentativas de condicionamento da arbitragem, jogadas ríspidas e tudo mais.

O Peñarol deve ser muito respeitado, por sua imensa tradição. É uma camisa de muito peso, que carrega a força de cinco títulos de Libertadores e de três Copas Toyota. Ainda assim, camisa por camisa, o Inter também tem muita: é Bi da Libertadores e Campeão do Mundo. E, no papel, possui um elenco muito superior tecnicamente.

Por isso mesmo, não há motivos para temer. É uma partida em que será necessário colocar em prática toda a experiência do grupo colorado. O fator chave para o Inter trazer um bom resultado do Uruguai chama-se PERSONALIDADE. Tem que jogar de igual pra igual, marcar forte, tocar a bola, e mostrar porque o colorado é o atual Campeão da América. Igualando na raça e tendo postura vencedora em campo, a tendência é de uma vitória até ao natural. Time, o Inter tem bem mais.

Nenhum comentário: