quinta-feira, 9 de julho de 2009

Buscando mais uma taça

Na noite de hoje, o Inter entra em campo em Quito para buscar mais uma taça para a sua coleção. A Recopa Sul-Americana estará em jogo contra a LDU. Depois da derrota na primeira partida, o Inter se vê obrigado a vencer a equipe equatoriana para buscar o bicampeonato.
Uma certeza eu tenho: é possível ganhar. É lógico que a partida será dificílima. O colorado, além da boa equipe de LDU, enfrentará os efeitos da altitude. Mesmo com tudo isso, dá pra ganhar. Há cerca de 7 anos atrás, o Inter enfrentava a seleção do Equador em partida que marcava a despedida da referida seleção do solo de seu país antes da Copa do Mundo de 2002. O time colorado estava em crise. Um dos principais destaques daquele time, Fernando Baiano, amargava a reserva, sob o comando do contestadíssimo treinador Ivo Wortmann. E não é que o Inter superou o Equador por 2 a 1, carimbando a passagem dos equatorianos para o Mundial? Os gols colorados foram de Cássio, de falta, em um chute forte, e de Diogo Rincón, marcando um belo gol por cobertura depois de saída estabanada do goleiro Cevallos.
Aquele Inter, então perdedor, contestado, venceu a seleção equatoriana, com altitude e tudo. É impossível pensar, então, que o Inter de hoje, vencedor, respeitado, recheado de grandes jogadores, possa vencer a LDU fora de casa? Claro que não! É absolutamente plausível uma vitória colorada hoje. É possível. E é um título que vai servir para exorcizar de vez os fantasmas da Copa do Brasil, tirando o gosto ruim de nossa boca tal qual uma balinha de caramelo depois da degustação de um prato de rúcula sem sal nem vinagre. Que venha logo a noite. E com ela, mais uma consagração continental do Campeão de Tudo. Amém.

Nenhum comentário: