terça-feira, 2 de junho de 2009

Isso é uma bichona!

Esse negócio de neguinho ser metrossexual tá extrapolando os limites do ridículo. Estava eu vendo uma reportagem sobre o Cristiano Ronaldo (http://ego.globo.com/Gente/Noticias/0,,MUL1179165-9798,00-CRISTIANO+RONALDO+ADERE+AO+ROSA+E+EXIBE+CORPO+SARADO+NA+ITALIA.html) e fiquei abismado. Tudo na vida tem limite. Olhando, digo, com alguma margem de segurança: isso aí é uma bichona. É a cultura do metrossexualismo começando a tomar traços cada vez mais... delicados, por assim dizer.
O cara se cuidar, tomar banho, passar um gel ou um creme no cabelo, tudo bem. Mas um shortinho "tomara-que-me-coma", combinado com boné rosa e florzinha sobre a orelha é demais! E acho incrível como grande parte das mulheres gosta dessas bichices estéticas. Deve ser algum desvio lésbico. Haja sex shop e borrachão!
Longe de mim ser preconceituoso. O cara quer ser gay, que seja, tô me lixando pra isso. Inclusive, quanto mais gay tiver por aí, tanto melhor, pois mais mulher sobra na área. Agora, sujeito adotar esse visual bichalouquesco e querer passar por homenzinho, ah, nã, nã, nã. Não me aplica que não sou bolsa de valores. Nem Cristiano Ronaldo. Que se assuma, ora. O mundo de hoje é bem liberal. Não precisa mais disfarçar a viadagem de metrossexualismo. Pelamordedeus...
São os problemas de um mundo em que tudo e nada se confundem, em que tudo pode ser e não ser, sem nenhuma questão. É a suruba comportamental! E vai se perdendo cada vez mais todo e qualquer tipo de referência mínima, no meio do imenso vale-tudo não existe mais nenhum tipo de identidade. Tá todo mundo louco e fazendo qualquer coisa que dá na telha. Não acho isso nem um pouco bom. Acho catastrófico. Por isso que a sociedade pós-moderna está cada vez mais insana e doente. Lamentável.

Nenhum comentário: