segunda-feira, 4 de maio de 2009

Uma semana

Falta praticamente uma semana para a estreia do Inter no Brasileirão 2009. Há no meio da semana o cumprimento de uma formalidade contra o outrora temido por outros times destas plagas Náutico. Depois, o Inter repirará, beberá, comerá Corinthians. Perfeito.
O palco, Pacaembu. Ronaldo em campo. Badalação corintiana. Não haveria jogo mais adequado para a iniciação colorada. Não esquecemos 2005. Ah, não. Na-na-ni-na-não. O Brasil todo estará de olho nesse jogo. Delícia, perfeito para fazer um "crime". O time corintiano é muito bom. Mas o Inter é melhor.
Todos sabem, o papel do Inter é o de estragar a festa, a grande balada que vive o vice-campeão brasileiro moral de 2005. O time colorado, porém, é o mais forte desde a Libertadores 2006. Tecnicamente, é inclusive muito melhor do que aquele. Mas falta provar sua força contra cachorros grandes. Por isso, o teste do próximo domingo é fundamental. Ali, veremos a real força do Inter no certame, embora o resultado passe longe de determinar qualquer destino, seja colorado, seja corintiano. É um jogo no qual o que realmente importa é o lado comportamental. Como o Inter vai se portar fora de casa, com estádio cheio, e contra um adversário parelho? São respostas que só serão dadas no domingo, 16 horas, no estádio do Pacaembu, São Paulo.
Vem aí o grande jogo da rodada. O midiático e pirotécnico Corinthians estará frente a frente com a maquina colorada de fazer gols. Estou confiante. Algo me diz que 2009 será do Inter. Tite montou um time poderoso. Suficientemente poderoso para disputar e ganhar todo e qualquer título que dispute. Pena que falta um lateral direito...

Nenhum comentário: