domingo, 3 de maio de 2009

Pelotas

Estou voltando de uma viagem a Pelotas, onde passei o dia, junto com madrinha, tio e primo, o feriadão na casa de meu padrinho. Foi a primeira vez que visitei a cidade. E é um município belíssimo. É um meio-interior. Tem uma dimensão considerável e muitas alternativas. Só fica sem ter o que fazer por lá quem não quer
O centro da cidade é bastante dinâmico. Dá pra se sentir em Porto Alegre. E Pelotas tem tanta vida própria que os torcedores de lá torcem... pelos clubes de lá! O Brasil tem a maior torcida. Se vê muitas camisas do clube. Algumas do Pelotas. Raras do Farroupilha. Visitamos o Bento Freitas, estádio do xavante, e passamos pelos estádios do Pelotas e do Farroupilha. O estádio do Pelotas me pareeu o mais bonito, embora o Bento Freitas também tenha seu charme.
Também merece destaque o Museu da Baronesa, riquíssimo, praticamente uma viagem no tempo, até os tempos da escravidão. Além disso tudo, há a belíssima praia do Laranjal. Água doce e calmíssima, vários quiosques e limpeza são o destaque. O lado negativo são os cinco pilas da ceva. Fomos, além disso ao campus da Ufpel, que tem uma belíssima estrutura e uma área bastante ampla.
Digo que valeu muito a pena. O feriadão foi extremamente bem aproveitado. As baterias estão recarregadas. Fiquei com uma excelente impressão a respeito de Pelotas. Relatada a viagem ao sul do Rio Grande do Sul, volto à minha vida de Porto Alegre, cerveja, trabalho e o adorável caos metropolitano... De Pelotas, boas lembranças e os planos de voltar para mais visitas.

Um comentário:

GS. disse...

vamo volta junto q eu tenho assunstos inacabados por lá :x