segunda-feira, 25 de maio de 2009

Monstro

Estava lendo o caso de um tio que matou a sobrinha com uma paulada na cabeça, no interior do Pernambuco, depois de brigar com a irmã. Detalhe: a sobrinha tinha 6 meses. Que tipo de monstro é capaz de fazer uma coisa dessas? Os relatos são de que o calhorda estava embriagado. Mesmo assim, tal monstruosidade não se justifica sob hipótese alguma.
Esse tipo de gente, assim como os estupradores, deve tomar uma camaçada de pau. Mas, assim, daquelas pra nunca mais esquecer. O que passa na cabeça de um imbecil desses, mesmo bêbado, pra dar uma paulada na cabeça de um bebê? Não consigo conceber tal tipo de atitude. Jamais conseguirei conceber. Quer se resolver, se resolve com a irmã, que não sei o que de tão grave fez para proporcionar tal reação. Mas não envolva a vida inocente de um bebê que não tinha nada a ver com a história.
Tomara que esse idiota apodreça na cadeia. Tomara que seja a mulherzinha da cela. Sei, não é politicamente correto dizer isso. Mas é o mínimo que ele merece. O mínimo. Um sujeito desses nem sequer pode ser chamado de ser humano. Não passa de um lixo. Um escroto. Um bosta. Que a verdadeira justiça seja feita. Seja do jeito que for.

Nenhum comentário: