sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

A Venda de Alex

Ainda não foi confirmada oficialmente a venda de Alex para o Spartak Moscou. Porém, segundo as mais diversas fontes, se não aconteceu, está na iminência de acontecer. Acredito que seja o melhor para o Inter.
Primeiro, porque criou-se uma sobreposição de jogadores, principalmente após o surgimento de Taison como jogador decisivo do time. Aliado a isso, surge a necessidade de se colocar Sandro no time, para aumentar a proteção da zaga e recolocar Guiñazu na função em que o argentino rende mais. Alguém da frente iria sobrar. E Alex mostrava-se desmotivado e dando declarações infelizes aos microfones. Seu futebol vinha crescendo, mas o jogador estava obviamente louco pra sair.
Surge a possibilidade do Spartak. Como Alex está doidinho pra sair, vai sair. Não sei se é a medida mais inteligente. Para quem quer marcar presença na seleção, ir para a Rússia pode ser um tiro no pé. Não, mas pensando bem, não é, não. Talvez Alex esteja certo. Jogadores medíocres como Bobô, Jô, Afonso, absolutamente escondidos na Europa, vinham sendo convocados por Dunga, pelo simples fato de estarem na Europa.
Fica apenas o agradecimento sincero a Alex Raphael. O jogador com voz de taquara rachada chegou ao Beira-Rio em 2004, como grande promessa do Guarani de Campinas. Teve seguidas lesões, mas passou a figurar permanentemente no time em 2006. E quem não vai lembrar do golaço dele contra o Libertad, na semifinal da Libertadores? Dos gols da falta? Da participação decisiva de 2008, buchas contra Boca, Chivas, na reconquista da América? Tenho algumas restrições ao futebol de Alex. Mas não posso negar. É um jogador que faz parte da história colorada. Foi titular em todas as grandes conquistas internacionais dos últimos anos. Prestou serviços importantíssimos ao Inter. Muito obrigado, Alex. A nação colorada te reencontrará pelos caminhos do futebol, com certeza. E que o reencontro seja apenas de um grande abraço de velhos e íntimos amigos. Afinal, Alex foi importante para o Inter. E o Inter foi muito importante na carreira de Alex.

Nenhum comentário: